Marcadores

#CONTRAOAUMENTO A COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA A Era Vargas A FINICIA A GUERRA FRIA A Mesopotâmia A PALESTINA-HEBREUS E OS PERSAS A Primeira Guerra Mundial A Pré-História A REFORMA E A CONTRA REFORMA A República Brasileira A República Velha A REVOLUÇÃO RUSSA A Segunda Guerra Mundial ABOLIÇÃO DA ESCRAVIDÃO NO BRASIL ABSOLUTISMO ADMINISTRAÇÃO COLONIAL DO BRASIL AS CRUZADAS AS ERAS DO JAPÃO AS GRANDES NAVEGAÇÕES AS IDEIAS POLÍTICAS E O MOVIMENTO OPERÁRIO AS PRIMEIRAS CIVILIZAÇÕES Criacionismo x Evolucionismo CRISE DE 29 Egito Antigo ESQUEMA IDADE MÉDIA E FEUDALISMO EXERCCICIOS REVOLUÇÃO AMERICANA EXERCICIOS 2 GUERRA MUNDIAL EXERCICIOS GRANDES NAVEGAÇÕES EXERCICIOS HEBREUS EXERCICIOS I GUERRA EXERCICIOS ILUMINISMO EXERCICIOS INDEPENDENCIA DA AMÉRICA ESPANHOLA EXERCICIOS PERIODO POPULISTA EXERCICIOS PRIMEIRO REINADO E PERIODO REGENCIAL EXERCICIOS REFORMAS RELIGIOSAS EXERCICIOS REGIMES TOTALITARIOS EXERCICIOS REVOLUÇÃO FRANCESA EXERCICIOS REVOLUÇÃO RUSSA EXERCICIOS SEGUNDO REINADO EXERCÍCIOS FEUDALISMO E REINO BÁRBAROS EXERCÍCIOS IDADE MODERNA E ILUMINISMO EXERCÍCIOS INÍCIO DO SÉCULO XXX E A REPÚBLICA VELHA FENICIOS E PERSAS FEUDALISMO FIM DO II REINADO GRÉCIA ANTIGA ILUMINISMO IMPERIALISMO DOS EUA DO SEC.XIX IMPÉRIO BIZANTINO INDEPENDÊNCIA DO BRASIL INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS INDIGNADOS INTRODUÇÃO AOS ESTUDOS HISTORICOS MAPA MENTAL SOCIEDADE FEUDAL MARCHINHA DA CATRACA O IMPÉRIO ISLÂMICO O JAPÃO O REINO FRANCO OS PERIODOS DA HISTÓRIA DO BRASIL PRIMEIRO REINADO E PERIODO REGENCIAL REFORMAS RELIGIOSAS REGIMES TOTALITÁRIOS RENASCIMENTO COMERCIAL Renascimento Cultural RESUMO - A REPUBLICA VELHA Revisão: Iluminismo e Independência dos E.U.A Revoltas Nativstas Revoltas Separatistas REVOLUÇÃO RUSSA REVOLUÇÕES INGLESAS ROMA ANTIGA SEGUNDO REINADO TITÃS TRABALHO REVOLUÇÃO FRANCESA 8 ANO EIMCL VIDEO IMPERIALISTA DOS EUA VIDEO AULA: O IMPERIALISMO SO SECULO XIX VIDEO BRASIL ATUAL VIDEO PRÉ-HISTÓRIA VIDEO REVOLTAS SEPARATISTAS VÍDEO GRÉCIA ANTIGA VÍDEO PRÉ-HISTÓRIA BRASIL PIAUI SERRA DA CAPIVARA

terça-feira, 26 de abril de 2011

EXERCCICIOS REVOLUÇÃO AMERICANA

01. "O puritanismo era uma teoria política quase tanto quanto uma doutrina religiosa. Por isso, mal

tinham desembarcado naquela costa inóspita (...) o primeiro cuidado dos imigrantes [puritanos] foi o de se organizar em sociedade."

Essa passagem de A Democracia na América, de A. de Tocqueville, diz respeito à tentativa:

a) malograda dos puritanos franceses de fundar no Brasil uma nova sociedade, a chamada "França Antártica";
b) malograda dos puritanos franceses de fundar uma nova sociedade no Canadá;
c) bem-sucedida dos puritanos ingleses de fundar uma nova sociedade no Sul dos Estados Unidos;
d) bem-sucedida dos puritanos ingleses de fundar uma nova sociedade no Norte dos Estados Unidos, na chamada Nova Inglaterra;
e) bem-sucedida dos puritanos ingleses, responsáveis pela criação de todas as colônias inglesas na América.

02."O sangue dos que foram chacinados, a voz lamentosa da Natureza gritam: 'é hora de separarmos!'

Mesmo a distância que Deus colocou entre a Inglaterra e a América é uma prova forte e natural de

que a autoridade de uma sobre a outra não era a vontade dos Céus (...) UM GOVERNO NOSSO É

UM DIREITO NOSSO (...) Portanto, o que queremos? Por que hesitamos? Da parte da Inglaterra

não esperamos nada, a não ser a ruína (...) Nada pode resolver nossa situação tão rapidamente

quanto uma declaração de independência, aberta e feita com determinação."

(Thomas PAINE, Bom Senso, panfleto de 10 de janeiro de 1776, citado por Leo HUBERMAN, História da Riqueza dos Estados Unidos, Brasiliense, São Paulo, 1983)

O documento anterior expressa algumas das idéias que, pouco mais tarde, estariam contidas na Declaração de Independência das Treze Colônias da América do Norte.

a) Apresente dois fatores que tenham contribuído para a independência das Treze Colônias.

b) Relacione a frase "Um governo nosso é um direito nosso" com as idéias que fundamentaram o processo de independência das Treze Colônias.

03. "Em Massachusetts, o espírito do capitalismo estava presente antes do desenvolvimento capitalista

(...) Neste caso, a relação causal é, certamente, a inversa daquela sugerida pelo ponto de vista

materialista." (Max WEBER, A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo)

A afirmação:

a) valoriza a visão do materialismo sobre o desenvolvimento do capitalismo na Nova Inglaterra;

b) sustenta, ao contrário do marxismo, que o espírito capitalista foi o criador do capitalismo moderno;

c) coincide com a crítica marxista ao materialismo sobre a existência do capitalismo na Nova Inglaterra;

d) diverge do marxismo ao defender a existência de uma fase de acumulação primitiva de capital;

e) defende uma concepção consensual entre os historiadores sobre a origem do capitalismo.


04. "A existência de uma área de terras livres, sua contínua diminuição e o avanço da colonização em

direção ao Oeste explicam o desenvolvimento americano."
(Frederick Jackson TURNER, A Fronteira na História Americana)

A citação anterior descreve:

a) a marcha para o Oeste nos Estados Unidos, no século XVI;
b) a colonização do Meio-Oeste dos Estados Unidos e a conseqüente implantação da indústria automobilística na região dos Grandes Lagos;
c) a expansão, á medida que não havia indígenas, dos ingleses rumo ao Oeste do Canadá;
d) a corrida dos puritanos, perseguidos na Inglaterra no século XVII, para o Oeste americano;
e) a colonização americana, rumo ao Oeste, subseqüente à proclamação da independência dos Estados Unidos.

05. Sobre a Independência dos Estados Unidos da América, assinale a alternativa correta:

a) A origem do movimento da independência deve ser encontrada no desenvolvimento uniforme das Treze

Colônias Inglesas.
b) O crescimento do comércio triangular, praticado pelas colônias de povoamento situadas no Sul, gerou atritos com a metrópole.
c) O Segundo Congresso Continental de Filadélfia decretou a separação dos Estados Unidos, através da Declaração de Independência redigida por Thomas Jefferson.
d) A política de conciliação adotada pela Inglaterra retardou o processo de independência da TrezeColônias Inglesas.
e) A França e a Espanha apoiaram a Inglaterra durante a Guerra de Independência.


06. (CESGRANRIO) Em 1778, França e Espanha entraram em guerra contra a Inglaterra. Seu verdadeiro objetivo era:

a) eliminar o contrabando inglês na Colônia do Sacramento;
b) recuperar algumas colônias que lhes haviam sido arrebatadas pelos ingleses;
c) punir a Inglaterra pela ajuda prestada à Holanda na guerra das Províncias Unidas contra a Espanha;
d) ajudar os colonos norte-americanos em sua Guerra de Independência;
e) minar as posições do comércio inglês no continente americano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário